loading...

segunda-feira, 30 de junho de 2014

MÉDICO DA MATERNIDADE ESTER GOMES, EM ITABUNA, FOI DENUNCIADO PELO MINISTÉRIO PÚBLICO E PODERÁ SER PRESO

Médico vai responder por morte de bebê na Maternidade Esther Gomes, em Itabuna. Luiz Carlos Leite de Souza foi denunciado por crime culposo e o processo será julgado na 1ª Vara Crime de Itabuna.

Luiz-Leite


Na ação, o Ministério Público estadual diz que no dia 26 de agosto de 2013 o médico prestou atendimento à parturiente ABS, levando o recém-nascido Paulo Emanoel Santana Leão à morte por erro médico. Segundo o inquérito policial 678/2013, a paciente deu entrada por volta das 7h.




A bolsa já estava rompida e ela foi atendida por uma técnica de enfermagem, logo após encaminhada ao médico. Ele fez o toque fetal e constatou que havia sangramento. A gestante optou pelo parto normal e foi levada à sala de preparo, onde ficou tomando soro até 13h45.




A paciente já estava sentido fortes contrações e notava que outras parturientes, que chegaram depois, eram atendidas primeiro. As enfermeiras fizeram novo toque e notaram o sangramento, por isso levaram a gestante para a sala de parto, mesmo com o bebê ainda não encaixado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário