loading...

sábado, 28 de junho de 2014

REPARO NA ILUMINAÇÃO PÚBLICA GERA ENGARRAFAMENTO “MONSTRO” EM ILHÉUS

Imagem ilustrativa. Foto:  Jorge Zugaib/Ilhéus24h.
Imagem ilustrativa. Foto: Jorge Zugaib/Ilhéus24h.

Um reparo (realizado pela Prefeitura de Ilhéus) no sistema de iluminação pública gerou um congestionamento “monstro”, entre o final da tarde e o início da noite dessa sexta-feira, 27. O trânsito parou em diversos pontos da cidade, como Avenida Princesa Isabel, Praça Cairu, Rua da Linha, Avenida Itabuna, “Plano Inclinado” e Ponte Lomanto Júnior.

Por telefone, perguntamos ao secretário de Desenvolvimento Urbano, Isaac Albagli, sobre a origem do transtorno. Ele explicou que o serviço foi iniciado às 14 horas, mas, um problema na sua execução exigiu que a equipe permanecesse mais tempo que o esperado no local, na “Rua das Oficinas, via que dá acesso à Ponte Lomanto Júnior.

Também questionamos se o serviço não poderia ter sido iniciado às 21 horas, quando o tráfego de veículos é menos intenso. “Não, porque é escuro”, respondeu o secretário.

Insistimos: “e se alguém passar mal e ficar preso no congestionamento?”. Isaac argumentou que os agentes de trânsito são treinados para facilitar a movimentação dos carros em que pessoas estão nessa condição.

Apuramos que os agentes de trânsito só chegaram ao local quase duas horas depois do auge do congestionamento. Por fim, indagamos ao secretário se houve um erro de programação. Isaac reafirmou que um problema na execução do serviço atrasou a sua conclusão e completou: “Para se fazer um omelete, alguns ovos precisam ser quebrados”.


“PROFESSOR PIRIQUITINHO” MORRE EM ILHÉUS

José Raimundo.
José Raimundo.

O ex-funcionário público municipal e estadual José Raimundo Santos sofreu um infarto e morreu, às 4 horas de sexta-feira, 27, em Ilhéus. 

Raimundo tinha 68 anos e era mais conhecido como “Professor Periquitinho”. Ele lecionou matemática e física nos colégios CIERG, CEAMEV e IME. Candidatou-se ao cargo de vereador de Ilhéus algumas vezes, mas, nunca foi eleito. 

A família velou o corpo na casa onde Raimundo morava, na Rua Jacarandá (antiga “Rua C”), número 590, bairro São Francisco. O sepultamento foi realizado hoje, 28, no Cemitério São João Batista, no bairro Nelson Costa.

Com informações do radialista Dino Rocha.


PASSAGEIROS DA CIDADE SOL SOFREM COM ÔNIBUS QUEBRADO

A viagem entre Jequié e Ilhéus durou 7 horas.
A viagem entre Jequié e Ilhéus durou 7 horas.

Conforme uma leitora deste blog, ontem (quinta-feira, 27), um ônibus a serviço da empresa Cidade Sol, que fazia a linha Jequié-Ilhéus, quebrou logo no início do percurso.

Segundo a leitora, o ônibus deixou a rodoviária de Jequié às 12h30min e parou de funcionar em um local conhecido como “Cajueiro”. Os passageiros aguardaram o veículo reserva por quase duas horas, à beira da pista – situação extremamente perigosa.

De acordo com a denúncia, para completar o sofrimento dos passageiros, o ônibus reserva também “apresentou problemas e a viagem, que duraria em torno de 4h, se prolongou por 7h”, disse a usuária do serviço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário