img-20161102-wa0027
Kayalla está bastante machucada e foi socorrida para o hospital de Base, em Itabuna.
Será transferida nas próximas horas para uma unidade hospitalar, em Porto Seguro, a travesti Kayalla Ayalla, brutalmente agredida por três homens na madrugada de ontem, próximo da loja Tubarão Verde, no bairro do Malhado, em Ilhéus. Conforme familiares, o estado de saúde da vítima é considerado grave.
A tentativa de homicídio aconteceu por volta das 05h e a polícia civil já tem nomes dos suspeitos. Kayalla foi agredida com diversos socos e chutes na cabeça, chegando inconsciente no hospital de Base, em Itabuna, onde se encontra numa maca sedada em observação.
Amigos e parentes da vítima estão organizando uma manifestação nesta sexta-feira (4), às 14h, no local que ocorreu a agressão, para cobrar da Justiça rigor nas investigações, nos ataques às pessoas travestis e transexuais.
img-20161102-wa0039
Entidades pedem providências da justiça.
img-20161101-wa0145
A vítima está numa maca no corredor do hospital de Base, em Itabuna.