trabalhadores temem calote e demissãoFonte deste blog afirma que a Locserv e o governo Rui Costa deram um “calote” nos ex-empregados da empresa, que prestava serviços às escolas estaduais em Ilhéus e outras cidades baianas.

Segundo a fonte, mais de 150 ex-funcionários da Locserv em Ilhéus ainda não conseguiram sacar o seguro-desemprego. A empresa os demitiu em janeiro de 2016.

Ainda de acordo com a fonte, como estavam sem trabalho, muitos dos antigos funcionários da Locserv aceitaram trabalhar nas escolas estaduais durante o mês de julho de 2016, pois o governo Rui Costa prometeu que os pagaria, o que não aconteceu. O próprio secretário de educação da Bahia, Walter Pinheiro, teria feito a promessa aos trabalhadores.