loading...

sexta-feira, 24 de março de 2017

Brasileiro de Rally Baja - UTVs são maioria no grid em Ilha Comprida (SP)

São Paulo (SP) – O 10º Rally da Ilha vai movimentar o fim de semana (25 e 26) na cidade de Ilha Comprida, litoral sul de São Paulo. A prova é válida pela terceira e quarta etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Baja e tem 55 veículos inscritos até o momento. Os UTVs são maioria no grid, com 33 representantes, seguidos pelas motos (17 inscritos) e os quadriciclos (cinco).
 A bordo do novo Can-Am Maverick X3 X RS, Rodrigo Varela está na liderança na competição nacional, seguido pelo irmão Bruno. A dupla foi protagonista na abertura do Brasileiro, realizada há duas semanas em Barretos (SP), ao lado do lançamento da Can-Am – que ocupou os quatro primeiros lugares da classificação geral, resultado histórico para os UTVs. “A gente não precisou fazer nada nos veículos desde a prova de Barretos, apenas a manutenção básica mesmo”, contou Rodrigo Varela, que completa 26 anos no sábado.
“Espero que a gente coloque os Maverick X3 X RS no topo do pódio novamente e eu ganhe a vitória de aniversário”, continuou. Apesar de participar das comemorações em família, Bruno Varela promete empenho máximo. “Estou ansioso para acelerar o máximo no Rally da Ilha e buscar o primeiro lugar. Prefiro que a briga fique dentro da família, mas todo mundo quer ganhar”, avisou o irmão caçula, com bom humor.

Outro destaque é o piloto Deninho Casarini, que defende o título dos UTVs no Rally da Ilha. “Eu costumo andar bem em Ilha Comprida, que é marcada por terreno arenoso e altas velocidades. Como a prova completa algumas voltas no mesmo circuito, costumo memorizar o caminho para andar no limite. O carro está 100%, o Can-Am Maverick X3 X RS é indiscutivelmente superior.”

Parcerias e ações sociais – A Can-Am ainda está presente no Rally da Ilha como patrocinadora. O investimento nas provas da Arena Enduro, organizadora do evento, existe desde 2014. “Focamos nas etapas que fazem parte do Campeonato Brasileiro e o patrocínio é fundamental para o desenvolvimento do esporte, ainda mais em uma época em que poucos eventos têm apoio de fábricas”, lembrou Adilson Greco Gaspar, coordenador de PAC (Peças, Assessórios e Vestuário) e Marketing para a América Latina da BRP Brasil, responsável pela Can-Am.

“Os nossos veículos têm forte presença nas provas, que atraem pilotos e equipes que exigem sempre o melhor desempenho, dirigibilidade e inovação. De quebra, a comunidade local é beneficiada pelas ações sociais paralelas aos eventos, além da movimentação que as provas geram nas cidades – por meio da criação de empregos e do aumento do comércio e do turismo locais”, continuou Gaspar.

No Rally da Ilha, as ações sociais irão beneficiar os alunos de 4 a 11 anos da Escola de Pedrinhas, que possui cerca de 95 alunos. O projeto Ideia Fixa conta com o apoio da Can-Am e será o responsável pela visita, marcada para as 9h30 desta sexta-feira (24). Na ocasião, os voluntários entregarão kits e livros para as crianças, além de oferecer muita conversa e carinho.

Programação* – Rally da Ilha 2017
Local – Arena de Eventos de Ilha Comprida (próxima ao Corpo de Bombeiros)

Sábado (25/3)
8h – Briefing
10h – Prólogo com 3 km, para definir as posições de largada
13h – Largada (Deslocamento inicial - 2 Km / Trecho cronometrado - duas voltas de 51 Km / Deslocamento final - 30Km)
19h30 – Briefing

Domingo (26/3)
9h – Largada (Deslocamento inicial - 2 Km / Trecho cronometrado - duas voltas de 64 Km / Deslocamento final - 43 Km)
15h – Premiação

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário