dga

dga

segunda-feira, 20 de março de 2017

MONALIZA, EX-PREFEITA DE IBICARAÍ É CONDENADA A PRISÃO PELA POLÍCIA FEDERAL

A 2ª Vara da justiça federal condenou a 2 (dois) anos de detenção e 15 ( quinze) dias. A ex-prefeita Monalisa Tavares (PMDB) sob acusação do Ministério Público Federal (MPF) por desvios de verbas e fraude generalizada a processos licitatórios.
A ex-prefeita foi investigada pela Operação Vassoura de Bruxa em dezembro de 2008, que realizou busca e apreensão na Prefeitura de Ibicaraí e apreendidos diversos processos licitatórios originais, em fase intermediária de montagem, para justificar falsos pagamentos pretéritos e que as interceptações telefônicas realizadas no bojo do Inquérito Policial confirmaram os ilícitos.
Foram apurados, desvios e fraudes a licitações em mais de R$ 5 milhões na gestão de 2005 a 2008.
Porém, o juiz federal Pedro Alberto Pereira absolveu a ex-secretária de Administração e Finanças, Cristiane Fernandes Arraes, e condenou, além da ex-prefeita Monalisa Tavares, o ex- presidente da Comissão de Licitação, Alberto Antônio Brito.
Detalhe: a pena de prisão foi substituida por prestação de serviços a comunidade e ao pagamento de 3 (três) salários mínimos para alguma organização que atende a população em ação social.
Não há informações se a ex-prefeita recorreu da sentença.

Nenhum comentário:

Postar um comentário