loading...

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Ibovespa cresce 1 tri em valor de mercado desde o início das investigações da Lava Jato, afirma CMA

O principal índice de ações do mercado brasileiro (Ibovespa) cresceu R$1 tri em valor de mercado, desde o início da operação Lava Jato, de acordo com estudo realizado pela CMA, empresa líder em sistemas de informações, análises e operações para o mercado financeiro e de commodities.
O estudo teve como base um período de 3 anos, por tanto, comparando a data de início da operação Lava Jato (17/03/2014) até a última sexta-feira (17). De acordo com estudo, o Ibovespa teve um crescimento de 43%, com valor de mercado de 746 bilhões para 1 tri.
O destaque fica para o setor financeiro que contemplam a lista das 10 instituições que mais cresceram em valor de mercado no período analisado, e correspondem à 11% do crescimento no índice Ibov, sendo elas, Itauunibanco que aumentou R$ 58,3 bilhões, Bradesco com R$ 44,1 bilhões, Banco do Brasil com R$ 21 bilhões e BMF&BOVESPA com R$ 16,7 bilhões.
Instituição 
Cresc. Em valor de mercado (R$)
1 - ITAUUNIBANCO  R$ 58.327.503.416,69
2 - BRADESCO R$ 44.127.042.592,44
3 - VALE R$ 21.488.367.817,61
4 - BRASIL R$ 21.038.096.731,08
5 - ITAUSA R$ 18.040.163.141,22
6 - BMFBOVESPA R$ 16.745.659.948,40
7 - PETROBRAS R$ 11.518.465.937,26
8 - RUMO S.A. R$ 11.233.020.806,64
9 - LOJAS RENNER R$ 9.801.233.723,40
10 - ULTRAPAR R$ 9.096.615.586,56

Segundo a pesquisa, ao menos dois fatores indicam porque o setor financeiro foi o destaque do Ibovespa no período: i) aumento do spread bancário; ii) aumento de juros do crédito rotativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário