loading...

sexta-feira, 26 de maio de 2017

O diálogo e o cumprimento da lei serão fundamentais para uma saída entre taxistas e alternativos, diz prefeito

Ao se reunir hoje (27) pela manhã com membros da diretoria do Sindicato dos Taxistas de Ilhéus, o prefeito Mário Alexandre Sousa disse que, nos próximos 30 dias, vencerá o prazo de negociação estabelecido por ele para se encontrar um caminho que preserve os direitos dos concessionários de taxi, mas que crie, também, uma oportunidade de trabalho e de renda, dentro da legalidade, para os pais de família que, hoje, sobrevivem fazendo transporte alternativo no município.
“Tenho estabelecido o diálogo para encontrar um caminho de paz. E levarei esta conversa até a última instância por que represento um governo democrático e transparente. Mas a situação está chegando a níveis preocupantes e já estamos finalizando a formatação de uma sugestão que preserve a relação de trabalho de todos, contemple as duas categorias e seja benéfica ao povo de Ilhéus. Só não abro mão que tudo ocorra dentro do que estabelece lei”, assegurou.
Concorrência
Hoje, em Ilhéus, circulam legalmente 450 taxistas. “Poucos concursos exigem 17 comprovações, dentre eles quatro atestados de bons antecedentes, para o exercício da profissão. Pagamos alvarás, cumprimos com nossas obrigações. Não podemos concorrer em condições de igualdade com quem faz o outro tipo de serviços na rua sem pagar nada”, assegurou um dos profissionais presentes.
Os taxistas criticaram o que chamaram de “derrame” de novos alvarás e criação de novas praças muito próximas uma das outras, ocorrido no final da gestão passada. O prefeito Mário Alexandre, além de não liberar cerca destes 25 alvarás, ainda determinou uma investigação para identificar os verdadeiros donos das concessões. Mesmo assim, denunciam os taxistas, “muitos deles estão circulando”. Os taxistas alegam, também, que foi a partir de outubro do ano passado que aumentou consideravelmente o número de carros alternativos nas ruas.
Presentes
Participaram do encontro, o presidente da Câmara de Ilhéus, Lukas Paiva; o vereador Fabrício Nascimento; os secretários Hermano Fahning (Infraestrutura, Transporte e Trânsito) e Alisson Mendonça (Relações Institucionais) e o superintendente de Trânsito, Rogério Buralho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário