loading...

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Operação no Nordeste de Amaralina prende quatro traficantes



Uma operação da Delegacia de Homicídios Múltiplos (DHM), do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), deflagrada, na quinta-feira (27), e encerrada na madrugada desta sexta-feira (28), no Nordeste de Amaralina e adjacências, prendeu quatro traficantes e apreendeu cinco armas, drogas e munições.
Uanderson Nascimento do Espírito Santo, de 20 anos, foi o último a ser preso, na madrugada de hoje (28), com uma pistola calibre 9 mm, munições, 34 trouxas de maconha e 11 pedras de crack. Ele estava na localidade de Santa Cruz, quando foi flagrado.
Já, na quinta-feira (27), foram flagrados embalando drogas, num imóvel, na Rua Raimundo Viana, no Vale das Pedrinhas, José Renato Balbino, 29, Marcos Vinícius Lopes da Silva e Jeanderson Moreira da Silva, ambos de 23 anos.
Com o trio, o Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO), da 40ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Nordeste de Amaralina), que também participou da operação, apreendeu 162 trouxinhas de maconha, 18 pinos de cocaína, uma pistola calibre 380, um revólver calibre 22, munições, a quantia de R$ 144, uma balança de precisão, uma faca, caderneta com anotações do tráfico e pinos para cocaína.
Ainda durante as ações, a polícia encontrou na residência do traficante Willian Roberto Bispo dos Santos, na Rua Vietnã do Sul, na Chapada do Rio Vermelho, mais 168 trouxas de maconha, uma espingarda calibre 12, uma submetralhadora 9 mm, cinco facas, 17 pinos vazios para acondicionar cocaína e outra caderneta com anotações do tráfico. William era um dos alvos da operação, mas conseguiu fugir.


OPERAÇÃO CONTÍNUA

De acordo com o delegado Odair Carneiro, titular da DHM, o objetivo da operação, batizada de Nordeste Julho, é combater homicídios e tráfico de drogas, no Nordeste de Amaralina e arredores. O delegado e o major Amilton Souza, comandante da 40ª CIPM atenderam a imprensa, nesta sexta-feira (27), para falar dos resultados da operação, que é contínua. “Temos obtidos resultados importantes na região”, pontuou Odair Carneiro.
Durante a operação, que contou com o apoio dos departamentos de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), de Polícia Metropolitana (Depom), de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), de Polícia Técnica (DPT) e de equipes da Polícia Militar, houve uma troca de tiros e um traficante, identificado como Grimaldi, não resistiu aos ferimentos.
Uanderson, José Renato, Marcos Vinícius e Jeanderson, que já têm passagens por tráfico de drogas, foram autuados por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e associação para o tráfico, e encaminhados ao sistema prisional. O material apreendido já seguiu para a perícia do DPT. As armas serão submetidas ao Ibis (Sistema de Identificação Balística), para saber se já foram usadas em homicídios acorridos na região do Nordeste de Amaralina.
Qualquer informação que possa auxiliar a polícia pode ser encaminhada por meio do Disque Denúncia (3235-0000). O sigilo é garantido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário